Chegamos, Amapá!

Com obras concluídas, ETAM passa a produzir cloro para o sistema de tratamento de água de Macapá

O processo substitui o sistema de cloro gás, antes utilizado, que apresentava riscos para as equipes e comunidade. As obras compõem o pacote de investimentos na reforma e modernização da Estação de Tratamento de Macapá.

Sistema instalado dentro da ETAM.
Produção de cloro foi modernizada.

As obras do sistema próprio de geração de cloro da Estação de Tratamento de Macapá (ETAM) foram concluídas e as operações na nova unidade já iniciaram. O novo sistema instalado pela Concessionária de Saneamento do Amapá (CSA) substitui o antigo cloro gás que era utilizado e que apresentava menor segurança em seu manuseio operacional. A capacidade de produção do novo gerador é de 1250 Kg de cloro ativo por dia, em um processo inovador, já utilizado em grandes distribuidoras pelo Brasil.

A aplicação de cloro no processo de tratamento da água é uma etapa importante e que pode ser executada de diversas formas. Ao iniciar as operações no Amapá, a CSA iniciou a troca dos sistemas de cloro gás, que apresentavam riscos para as equipes e comunidade. Pelo novo sistema, que funciona a partir do uso do sal comum não iodado. As obras compõem o pacote de investimentos da empresa na reforma e modernização das estruturas e unidades recebidas com a concessão dos serviços. Ao todo, são mais de R$100 milhões investidos só no primeiro ano de trabalho.

Técnica e inovação

O método instalado e em operação na ETAM faz a combinação de sal, água e energia elétrica. A tecnologia utilizada nos permite gerar hipoclorito mais estável, permitindo uma desinfecção eficiente e segura. Atendendo assim todos os critérios e padrões de potabilidade.

A produção é de 1250 Kg por dia.
A nova unidade já está em operação.
Investimentos em inovação.

A ETAM produz e distribui 1300 litros de água por segundo. Para o tratamento dessa água, são utilizados 2.500 litros por hora de solução com cloro ativo, agora produzido pela própria estação.  Além da capital, os municípios: Santana, Mazagão e Laranjal do Jari já possuem instaladas e em operação suas unidades de geração de cloro.

“Investimos nesse sistema moderno e já utilizado em grandes empresas do Brasil porque sabemos que as operações de água no Amapá passam por uma transformação, essa é a nossa missão. Garantimos mais eficiência no tratamento da água e segurança para nossas equipes que atuam nesse processo”, explica Vinícius Félix, Líder de Produção de Água da CSA.

As obras iniciaram em 2023.
A ETAM recebeu adaptações para instalação.

Fale conosco

A CSA mantém um canal de comunicação ativo com os usuários na Central de Atendimento 24h. Em caso de dúvidas ou solicitação de serviços, os clientes podem entrar em contato com a concessionária pelo telefone 0800 086 0116. A CSA também está disponível nas redes sociais e no site http://csa-equatorial.com.br.

Macapá, 22 de janeiro de 2024

Comunicação CSA