Chegamos, Amapá!

CSA conclui obras na Captação de Água Bruta do Rio Amazonas

As obras foram divididas em etapas e representam os investimentos da concessionária em inovação e modernização das operações de água na capital.

A nova Captação de Água Bruta passou por reformas em diversas etapas.

A Concessionária de Saneamento do Amapá (CSA) anuncia a conclusão das obras na nova Captação de Água Bruta do Rio Amazonas, localizada na orla de Macapá. A unidade passou por reforma, reabilitação e modernização de suas estruturas e equipamentos. Mais de R$ 10 milhões foram investidos no total. O sistema foi recuperado em etapas, para minimizar os impactos no atendimento dos clientes e sua conclusão traz mais segurança operacional, qualidade e volume de água captada enviada à Estação de Tratamento de Macapá (ETAM).

A CSA assumiu as operações de água e esgoto nas zonas urbanas dos municípios do Amapá em julho de 2022. As primeiras medidas foram direcionadas à recuperação da infraestrutura recebida com a concessão. Em Macapá, o sistema principal, composto pela Captação de Água Bruta e a ETAM, foram priorizados, bem como o atendimento aos clientes que são abastecidos por este sistema.

Aos poucos, a nova Captação foi sendo reabilitada.
Novos e modernos equipamentos foram adquiridos e instalados.
Reabilitação da tubulação e instalação de ventosas.

Etapas e obras

Na etapa civil, a CSA recuperou estruturalmente a casa de bombas, localizada sobre o Rio Amazonas. O espaço não era seguro para circulação dos operadores e não comportava o novo parque de máquinas. Foram reforçados os elementos de segurança e a área foi ampliada com a construção de um anexo para receber novos equipamentos.

Na etapa elétrica, foram adquiridos novos transformadores a seco e painéis para o controle das operações, além da troca de todo o cabeamento de média tensão, responsável pela alimentação elétrica. O novo sistema traz segurança às operações diárias que são realizadas.

As obras iniciaram ano passado, com o início das operações da CSA no Amapá.
Iran e Yanka falam sobre as etapas da obra.

Na hidromecânica, foram instalados sistemas de ventosas na tubulação e adquirida uma nova bomba com tecnologia anfíbia, que tem sua instalação no fundo do Rio Amazonas. Sua capacidade pode captar mais de 2.200 metros cúbicos de água por hora. Além disso, foi recuperada toda a tubulação e proteção do parque de bombas e instaladas telas submersas em uma operação com mergulhadores profissionais.

Atendimento

A Captação de Água Bruta do Rio Amazonas é responsável pela captação da água que é destinada à ETAM e, posteriormente, distribuída a 70% dos bairros da capital.

“Nos empenhamos durante um ano para que toda essa unidade pudesse ser transformada, um investimento moderno e inovador para o sistema de abastecimento de Macapá. Esse é o compromisso que assumimos quando iniciamos nossas operações, cuidar do futuro dos amapaenses todos os dias”, destacou Iran Correia, gerente de Engenharia da CSA.

A nova Captação do Rio Amazonas já está em operação.

Outras obras

Além da Captação, a CSA entra em fase avançada da reforma e modernização da ETAM, localizada em Macapá. Os municípios também recebem as equipes de obras para ações em suas estações de tratamento de Macapá. Mais de R$ 100 milhões foram investidos no primeiro ano de trabalho da concessionária.

20 de novembro de 2023

Comunicação CSA