Chegamos, Amapá!

CSA apresenta plano de investimentos e ações em diálogo institucional no Ministério Público Estadual

Participaram do encontro os representantes da Concessionária de Saneamento do Amapá, a procuradora-geral de Justiça, Ivana Cei, e o promotor titular da Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor, Luiz Marcos.

O encontro aconteceu na Procuradoria-Geral de Justiça – Promotor Haroldo Franco, em Macapá.
Promotor de Justiça de Defesa do Consumidor (Prodecon), Luiz Marcos, participou de forma virtual.

A diretoria da Concessionária de Saneamento do Amapá (CSA) participou de um encontro com a procuradora-geral de Justiça do Ministério Público Estadual (MP/AP), Ivana Cei, nesta quarta-feira (21). Na oportunidade, a empresa apresentou o plano de investimentos, cronograma de ações em execução e desafios enfrentados nestes primeiros meses de operação com os sistemas de água e esgoto no Amapá. O promotor de Justiça e titular da Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor (Prodecon), Luiz Marcos, participou de forma virtual.

Durante a reunião, os representantes do MP/AP destacaram a importância da devida publicidade do cronograma de obras e a parceria formada, um compromisso já assumido pelo presidente da CSA, José Ailton Rodrigues.

"Gostaria de agradecer o apoio dos membros do Ministério Público que sempre são muitos cordiais e à disposição para dialogar e realizar as tratativas com a maior seriedade e transparência possível. Acredito que isso vai construir um futuro que merecemos", destacou o gestor.

Além dos presidente, participaram do encontro o superintendente técnico da CSA, João Marcelo Lima e o assessor de relações institucionais, Marcos Pereira.

Os informes de manutenções emergenciais e programadas são disponibilizados nas redes sociais Facebook (/csagrupoequatorial), Instagram (@csagrupoequatorial), Twitter (@csaEquatorial), no site https://csa-equatorial.com.br e na Central de Atendimento 24h, no telefone 0800 086 0116.

A procuradora-geral de Justiça enfatizou que o acesso e fornecimento de água é direito fundamental do cidadão e que o Ministério Público seguirá na fiscalização e acompanhamento das ações. “Agradeço a visita e as explicações sobre as ações da CSA. O MP-AP se coloca à inteira disposição para colaborar e orientar, dentro de nossas atribuições, para que sejam garantidos os direitos da população com acesso aos serviços de abastecimento de água regularmente, ” frisou Ivana Cei.

(Por Comunicação CSA - Com informações e fotos da Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá)